• 01/07/2020

A Câmara de Comércio Internacional (ICC Brasil) promoveu nesta quarta-feira, 01 de julho, um debate sobre os desafios do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (CADE) na economia digital. Parte da série ICC Live Webinars, o evento contou com as presenças de Alexandre Cordeiro, Superintendente-Geral do CADE, e Lenisa Prado, Conselheira do CADE. Os principais temas foram controle de condutas e economia digital.

Nos tempos atuais, a atualização constante sobre mecanismos de concorrência é ainda mais importante. Muitas vezes, é preciso reinterpretar a economia digital, mas não se pode apagar todo o histórico do que já foi feito em termos de concorrência, diz Cordeiro.

Sinal Amarelo

Neste novo momento, o CADE também detecta o crescimento de “ondas colaborativas” entre os agentes dentro da economia digital, movimentos que acendem o sinal amarelo no CADE. “Isso pode resultar em enormes monopólios no futuro”, alerta Lenisa. “Em 2018, o CADE se deparou com esse cenário durante a crise de abastecimento. Temos de garantir estabilidade no futuro”.

Fernanda Esperança, vice-presidente da Comissão de Concorrência da ICC Brasil e gerente jurídica do Mercado Livre, destacou que a ICC Brasil está finalizando um working paper sobre concorrência na economia digital. Também participaram do webinar o presidente da Comissão de Concorrência da ICC Brasil e sócio do Caminati Bueno, Eduardo Caminati, e José Carlos Berardo, sócio do Lefosse Advogados.

Caminati destacou que “o tema da economia digital e antitruste tem ocupado uma parte importante da agenda concorrencial no Brasil e no mundo, demandando maior cuidado e atenção dos agentes econômicos e das autoridades”.

Assista a íntegra do webinar aqui.

 

Share